Segunda-feira, 17 de Março de 2008

4

Ao almoço:


José

Este almoço foi uma maravilha! - diz, enquanto massaja a barriga.
Joana

Foi pois. Muito bom!

José

Tenho que te dar os parabéns, Madalena. Está mesmo excelente! Agora, que vives connosco, tens que fazer mais disto.

Maria

Amor, o cansaço anda-te a fazer sonhar? - pergunta com ironia

Madalena

Sim. Deixa-te de conversas e arruma os cartões onde as pizzas vinham. Sabes bem que hoje foi uma excepção, dada a confusão que por aqui vai.

José

Está bem. Não precisam de ficarem irritadas. - diz enquanto se levanta e começa a tirar os cartões das pizzas da mesa - Para a próxima sou eu que pago e vou buscar as pizzas.

Maria

Está bem. Na próxima mudança de casa que fizermos, tratas tu disso. Até lá, limitámos-nos à comida saudável, feita pela tua querida mulherinha.


José agarra num pedaço de pizza deixado por Joana e com toda a delicadeza, coloca-o todo na boca, tentando, de olhos fechados, sentir por uma última vez, todos os ingredientes calóricos nele presente.

Enquanto Joana e Alice saem em direcção ao quintal, para continuarem com as suas brincadeiras, Madalena acorda José da sua prova culinária.


Madalena

O que é que se passa com o teu novo vizinho? Não me parece muito normal. - pergunta a José.

Maria

É um bom moço. Tem um coração do tamanho do mundo.

José

É verdade. Maior que o coração dele, só a paciência que eu tenho para o aturar.

Maria

Não sejas assim. Sabes bem que ele não é assim tão mau como o estás a pintar. Quantas vezes já me contaste coisas que ele fez que te deixaram impressionado?

Madalena

Impressionado? Olha que para impressionar o meu irmão, tem que ser algo de muito especial!

José

É verdade que ele, às vezes, me surpreende pela positiva. Mas depois temos os outros 95% do que ele é: Irresponsável, distraído, lunático, etc.. O homem vive num mundo de fantasias, de espíritos, onde tudo tem que ser positivo e tudo tem solução. Infelizmente o mundo não é assim, e essa sua visão, irrita-me!

Madalena

Mas nota-se que ele te admira, mesmo sabendo que tu pensas tudo isso dele. - diz, para José.

José

Aí está a prova de que ele é louco.

Maria

Não digas isso. Ele admira-te por tu seres honesto com ele, e porque ele sabe que também tu, tens uma admiração por ele, mesmo que não o queiras admitir.

José

Bom, tenho mais que fazer do que estar aqui na conversa. Ainda tenho que montar as camas e começar a colocar as luzes nos tectos. - diz, saindo da cozinha.

Madalena

O meu irmão cheio de pressa para ir montar camas?! - diz, admirada, assim que José sai -  Afinal talvez o Tomás não seja assim tão mau, como parece. Acho que lhe vou dar uma segunda oportunidade. - diz, olhando para Maria.


Maria sorri de volta.
publicado por Luis às 00:03
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

."Capítulos"

. 20

. 19

. 18

. 17

. 16

. 15

. 14

. 13

. 12

. 11

. 10

. 9

. 8

. 7

. 6

. 5

. 4

. 3

. 2

. 1

.arquivos

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.Olha! Interacção!

E agora?
Merecemos 200 chicotadas por termos pensado que não sabias o que fazer à história
Merecemos 500 chicotadas por pensarmos que a série acabava aqui
Temos que depositar largas quantias de dinheiro da tua conta para que nos possas perdoar
A ciática ainda chateia, e o trabalho também, pelo que vamos a ver quando sai o próximo.
Pois, mas eu penso que continuas sem saber o que vai sair daqui.
E estas interacções ainda continuam!?
  
pollcode.com free polls
blogs SAPO

.subscrever feeds